Céu Urbano

Céu Urbano
Blog do Naelton

sexta-feira, 8 de março de 2013

2013 - Ano da Mulher no Espaço


Este ano nos brinda com vários aniversários memoráveis que lembram a atuação das mulheres no espaço. Nada melhor do que o dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher, para lançar uma sugestão. Que tal fazer de 2013 o Ano da Mulher no Espaço? Seria ótimo se alguém comprasse essa ideia.
A primeira mulher a entrar em órbita da Terra faz 75 anos de idade no dia 6 de março de 2013; seu nome é Valentina Vladimirovna Tereshkova. Há 50 anos, no dia 16 de junho de 1963, Valentina subiu a bordo da Vostok 6, sendo a 12ª pessoa a viajar no espaço. Valentina deu 48 voltas ao redor da Terra e completou 71 horas em órbita. Outra nave, a Vostok 5, foi lançada simultaneamente e as duas naves estiveram em órbita ao mesmo tempo chegando a se aproximar a 5km uma da outra. A nossa valente cosmonauta enfrentou problemas durante todo o voo e no retorno também. Enjoo, problemas psicológicos e um pouso de paraquedas meio acidentado tornaram sua aventura espacial um tanto conturbada. A missão de Valentina originalmente seria mais curta, contudo a notícia de uma mulher no espaço fez um grande sucesso mundial. Isso fez com que adiassem o pouso da Vostok 6 por mais dois dias. Valentina nunca mais foi ao espaço: casou-se com um colega cosmonauta, teve uma filha, divorciou-se, tornou a se casar e entrou na política. Hoje a pioneira do espaço é deputada e mora em Moscou.
Somente 19 anos depois outra mulher foi ao espaço. Svetlana Yevgenyevna Savitskaya foi a segunda mulher no espaço, em 1982, a bordo da nave Soyuz T-7 junto com dois colegas cosmonautas. Em 1984, a bordo da Soyuz T-12, ela foi a primeira mulher a sair de uma espaçonave numa “caminhada” no espaço próximo à estação espacial Salyut 7. Nos anos posteriores, Svetlana foi escolhida para ser a comandante de uma tripulação totalmente feminina na Salyut-7 que comemoraria o Dia Internacional da Mulher em órbita. Infelizmente esta missão foi cancelada.
A primeira americana a ir ao espaço, 30 anos atrás, foi Sally Kristen Ride (1951-2012). Ela tinha 32 anos no seu primeiro voo, em 18 de junho de 1983, a bordo do ônibus espacial Challenger. Em 1984, em um segundo voo nesta mesma espaçonave, Sally atingiu o valor de 343 horas em órbita. Sally foi a única pessoa que participou das duas investigações dos acidentes com ônibus espaciais: Challenger em 1986 e Columbia em 2003. Dentre os sete tripulantes que morreram durante a explosão da Challenger havia duas astronautas mulheres: Judith Resnick (colega de Sally) e Christa McAuliffe (professora primária e a primeira astronauta civil). Antes do seu falecimento ano passado, em decorrência de um câncer, Sally destacou-se como ativista da educação de ciências espaciais nos EUA. 
Até o momento a mulher que detém o recorde de mais tempo no espaço é a americana Peggy Whitson. Esta astronauta já esteve duas vezes na Estação Espacial Internacional (ISS). A primeira vez foi a bordo do ônibus espacial Endeavour em 2002. A segunda foi a bordo da Soyuz TMA-11 em 2007. Somando todo o tempo destas duas missões, Peggy passou 9.041 horas em órbita. Esta recordista do espaço é bioquímica e foi a primeira comandante mulher da ISS.
Hoje em dia explorar o espaço não é exclusividade masculina: as mulheres têm muito a contribuir nesta aventura. Feliz Ano da Mulher no Espaço!

Nenhum comentário: